25 de julho: Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana Caribenha

ARTE 25 JULHO As heroínas e intelectuais negras, são totalmente invisibilizadas nos processos históricos.
O dia 25 de julho vem para nos lembrar que é difícil ser negra latino-americana numa sociedade construída a partir do patriarcado e racismo, sofrendo ainda uma invisibilidade dupla por ser mulher e negra. Isto nos lembra que, dentre muitas coisas, significa, além de ser vista como um “objeto”, a visão dos machistas em relação a nós, mulheres, também ter um passado rotulado como “escrava”, ou seja, a doméstica que limpa nossas casas, a mãe periférica com seus tantos filhos, as globelezas da vida (que NÃO nos representam) e ainda sermos consideradas indignas de nos postularmos a ser gente.

O 25 de Julho internacionaliza o feminismo negro, visando aproximar a resistência das mulheres negras, não só da luta pelos direitos de cidadania, mas também e principalmente daquela contra as opressões de gênero e étnico-raciais nos locais onde vivem. Assim, esta data vem para fortalecer e ampliar a luta dessas mulheres negras .
Comemorar este dia, é celebrar e reverenciar a elaboração de novas perspectivas feministas.
25 de julho dia Internacional da Mulher Negra Latino-americana Caribenha.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s